País era o único no mundo a proibir mulheres de dirigir

O rei da Arábia Saudita, Salman Bin Abdulaziz AL, aprovou um decreto que autoriza todas as mulheres do país a conduzirem automóveis, informou a emissora Al Arabiya nesta terça-feira (26). De acordo com o jornal norte-americano New York Times, a decisão foi anunciada em um evento em Washington, nos Estados Unidos, e entrará em vigor em junho do próximo ano.

Nos últimos dias, diversas mulheres lançaram uma campanha na internet, onde publicaram imagens dirigindo o próprio veículo. A medida foi aprovada uma semana depois de um vídeo, que mostra o clérigo saudita Sheikh Saad Al-Hijri declarando que as mulheres não merecem dirigir porque só têm um quarto de cérebro, viralizar nas redes sociais.

A hashtag árabe com a frase dita pelo clérigo foi usada 119 mil vezes em 24 horas. A polêmica foi feita durante uma palestra sobre os males das mulheres dirigindo. As declarações provocaram reações enfurecidas de mulheres, principalmente de países árabes onde a lei já permite que elas possam dirigir. A Arábia Saudita era o único país no mundo onde as mulheres eram proibidas de dirigir carros. No passado a medida provocou diversos protestos. O país é considerado um dos mais conservadores, sobretudo em relação às mulheres.

Parabéns, mulheres sauditas por essa grande conquista!


PROGRAMA CNH POPULAR®
Conscientizando e educando para um trânsito mais humano!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *