O material, pode ser considerado de interesse nacional, uma vez que apresenta um panorama sobre “o problema do Trânsito” que é de extrema importância, como:

  1.  20% dos entrevistados estiveram envolvidos em acidentes de trânsito;
  2. Quase a metade (47%) já teve um familiar morto ou ferido no trânsito;
  3. Em uma escala de 0 a 10, a nota média da segurança no trânsito foi 4,6;
  4.  Os brasileiros entrevistados relacionam o trânsito a “caos”,;“congestionamento”, “engarrafamento”, “perigo”, “violência”, “acidente”;
  5. As vias urbanas são de má qualidade, com nota média de 4,4;
  6. A percepção das calçadas também é muito ruim, com nota de 3,4;
  7. Nove em cada dez entrevistados afirmaram que os motoristas não respeitam os pedestres e ciclistas e que 80% não respeita as leis de trânsito;
  8. A formação dos condutores no Brasil não tem qualidade e a educação de trânsito praticamente não existe.

Nunca havia sido realizada no Brasil uma amostragem, com base científica e estruturada, que pudesse concentrar essas informações.

A pesquisa teve como base para amostragem um total de 1419 pessoas, maiores de 18 anos, e cidadãos de todo o País, e será apresentada na Fundação Getúlio Vargas (Unidade Berrini), em São Paulo.

Fonte: ABETRAN

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *